Porque é que a transpiração em excesso ocorre

A transpiração excessiva, também chamada hiperidrose, a maioria das vezes começa a manisfestar-se durante a adolscência, mudanças hormonais, menopausa, gravidez e também casos em que a pessoa atingida sofre de excesso de transpiração desde muito cedo. Quanto ao que causa o excesso de suor, os médicos ainda não são capazes de determinar com segurança o que é. No entanto, o que eles sabem com certezas é que é uma doença hereditárias que é transmitida de alguns membros familiares para os seus descendentes. É provavelmente a falha de impulsos nervosos transmitidos do cérebro para as glândulas suporiparas. Estes impulsos nervosos dão indicações às glândulas suporiparas quanto à necessidade de começar o processo de suar bastante, mesmo que o corpo não precise.

A controversa operação chamada simpatectomia torácica ou lombar também é baseada neste princípio. Esta é uma operação em que o cirurgião remove os aglomerados nervosos (simpáticos), através dos quais os impulsos nervosos são transmitidos, por pequenos orifícios nas axilas ou virilhas. A transpiração cessa após esta operação, mas de acordo com a informação disponível, reaparece noutro local do corpo em com uma extensão igualmente grande. Esta operação não pode em boa consciência ser recomendada a alguém.